6 de dezembro de 2021

Essa escrita é breve. É apenas para lembrar que os projetos nacionais de branqueamento das populações foram comuns em toda a América do século XIX avançando pelo XX.

No entanto, todas as iniciativas eugenistas não foram suficientes para de fato eliminar fisicamente as populações negras desses países, que então passaram a ser invisibilisadas, negadas, minoradas. Em alguns países como Brasil e os caribenhos essa presença é muito ostensiva, portanto difícil de ocultar, em outros não…

As populações afro existem, estão lá vivas e firmes nas suas lutas pela visibilidade e contra a discriminação.

Então, colabore com a luta delas, ao invés de reforçar a sua invisibilisação, reproduzindo o discurso de que elas não existem.

Aqui destacamos apenas parte dos países da América do Sul, que são os que sofrem mais com essa invisibilidade. Essa presença negra se dá também em toda América central, Caribe e América do Norte.

Apenas à título de informação, o título de “Mãe da Pátria Argentina” pertence à Capitã Maria Remédios Del Valle, heroína de guerra da Independência argentina…

Rode a galeria para ver integralmente as fotos:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *