1 de dezembro de 2021

VITÓRIA !, Feliciano renuncia à presidência da CDH, “Vaya con Dios !” :-)

CANCELADA TEMPORARIAMENTE A NOTÍCIA, O PASTOR DEP. NÃO RENUNCIOU COMO CIRCULOU EM ALGUNS NOTICIOSOS NO ÚLTIMO DOMINGO, CONTINUA PRESIDENTE DA CDH E PARECE IRREDUTÍVEL, MAS A PRESSÃO AUMENTA E É QUESTÃO APENAS DE TEMPO… , EM BREVE ESPERAMOS QUE O TÍTULO DO POST SE TORNE REALIDADE.

0 thoughts on “VITÓRIA !, Feliciano renuncia à presidência da CDH, “Vaya con Dios !” :-)

  1. Republicou isso em ACID BLACK NERDe comentado:
    Pois é…, por mais que creie que Feliciano não seja a flor do nosso jardim não posso concordar que ele seja expulso de seu posto em virtude de frases fora de contexto e de suas convicções religiosas.

    O mais interessante é assistir os supostos defensores dos direitos humanos perseguindo um pastor filho de uma mulata. Parece que arrumaram um inimigo para demonizar, inventando coisas que ele teria dito e tirando outras de contexto. Nem políticos mensaleiros condenados pelo STF causaram a indignação que Feliciano causou – o que dá a entender que parte do ódio contra ele se deve por ser pastor.

    Feliciano está sendo criticado por vídeos os quais fez bem antes de pensar em ser candidato – alguns deles já tendo inclusive se desculpado no passado. Discordo completamente do Feliça no ponto de vista religioso (os africanos, na bíblia, nem são descendentes de Cam, mas de Cuxe), mas não vejo em suas declarações incitação de ódio racial, posto que 70% dos pentecostais são negros. Antes de Feliciano, a CDHM fazia seminários sobre a iniciação sexual na primeira infância (1 a 6 anos). Bem ou mal, Feliciano acabou chamando a atenção do Brasil para as questões do Direitos Humanos e das Minorias. Desejo ao Feliça toda a sorte do mundo nesse cargo e que ele possa atuar como toda ética e probidade que o Brasil precisa. Vamos julgá-lo por suas ações , não por suas declarações. Quem sabe daqui a alguns anos, olhemos pra trás e descubramos que Feliciano foi o melhor presidente da Comissão de Direitos Humanos da história do Brasil!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *