1 de dezembro de 2021

Na passagem por Tapauá ( duas semanas atrás ) aproveitei para reforçar minha discoteca  com umas  pérolas tradicionais da “música de chifre”, bolerões, pops pós jovem guarda e kitchen music (aquelas maravilhosas músicas que não poderiam faltar nas melhores cozinhas e áreas de serviço de nossas infâncias e adolescências), nem nos programas de auditório na TV que curtiamos nos anos 70, nem nos domingos de sol nas lajes do Brasil ou bares e festinhas pelas periferias,   ou seja,  BREGAS da melhor qualidade (e sem ironia, porque eu gosto mesmo, tudo de bom ! 🙂 ) ; Kátia, Lindomar Castilho, Odair José, Fernando Mendes, Diana, Carlos André e Bartô Galeno… (Ih ! esqueci do Adilson Ramos, que também contribui com boleros e Jovem Guarda) e a maioria com o bom e romântico chiadinho do vinil …  , juntando com o que já tenho…,  daqui a pouco não vou mais perder para o meu amigo Zé Maria lá da  “Casa do Terror”  o brega mais original de Manaus , ah ! e para não discriminar os românticos gringos touxe  também um Air Supply … (que por sinal vão estar aqui por Manaus em Show no final de semana) .

É isso ai minha gente amiga,  e éramos todos Jovens !!! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *