25 de junho de 2022

“O Boquete Gospel”

Tempos atrás comentei no Twitter uma notícia apresentada  por uma das pessoas que sigo e dava conta de uma novidade de mercado norte-americana, a ”pornografia-cristã ” e produtos “abençoados” de sex-shop, vide (antigo book22.com e agora http://www.covenantspice.com/); fiz também aqui no blog um outro “artigo” sobre a tendência brasileira em que se está criando um “mercado segregado” para o dito “povo de Deus”, em que serviços e produtos “comuns” ganham “anuência” e consumo pelo fato de serem rotulados com o complemento  “DO POVO DE DEUS” ou “envolvidos” em uma atmosfera “Gospel”;  Drogarias, Lojas, Pizzarias, Sorveterias, Supermercados, Salões de beleza, Griffes, Baladas, Bandas (até Forró e pagode “Gospel” já tem), enfim (até comentei que nesse passo não tardaria a ouvirmos falar em “cerveja santa” e  de prostíbulo “do povo” ) .

Recentemente uma polêmica discreta desabou no meio “evangélico”, em um site da Universal  em resposta à pergunta de internauta sobre sexo oral x pecado  a resposta foi  “É pecado caso o orgasmo seja alcançado por meio dessa prática”, de forma complementar em pergunta semelhante, o ultra-conhecido “Bispo” Edir Macedo da IURD, teria afirmado em seu blog que “tudo depende da sua fé. Se a sua consciência dói, é porque é pecado para você. Se não, é porque não é”;  (nesse último ponto até concordo com o Bispo sobre a sua “noção geral de pecado”), sinceramente não sei o que é pior…, se o fundamentalismo religioso obtuso  de religiões e denominações que desconsideram as naturais “perversões sexuais” (como diria FREUD) e “cortam o barato” dos seus fiéis pelas ameaças de danação, ou a  hipócrita e “conveniente” liberaridade parcial e “em cima do muro” que “não espanta fiéis” desde que se mantenham enchendo os cofres das igrejas e membros “empreendedores ” da economia satélite.

Fico pensando no que Martinho Lutero acharia dos resultados de sua reforma protestante motivada pela comercialização deslavada da fé que atingia a Igreja romana  do século XVI … , mas isso já é outra história.

Portanto voltando ao assunto principal , se você já não é um(a) devasso(a) pecador(a) perdido(a) , também não tenha dúvidas…, boquete pode, só não pode gozar … (isso se você achar que é pecado, caso contrário relaxe e deixe rolar) , então tá… :-).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.